Depois de muito burburinho envolvendo “O Sétimo Guardião”, a novela segue confirmada para começo de 2019 no horário nobre. Como é de conhecimento público, Aguinaldo Silva vai voltar com o realismo fantástico, depois de algumas novelas “realistas”. A trama se passará na fictícia cidade de Serro Azul, localizada em Minas Gerais e que não pega internet nem o celular tem sinal.

Mas uma das noticias que mais gera o interesse do público é que Aguinaldo Silva vai “ressucitar” Nazaré (Renata Sorrah). A vilã mais querida da internet vai reaparecer em “O Sétimo Guardião”. Mas essa volta da personagem será toda envolta de misterios, começando pelo nome dela: Marcos Paulo Pianovsky, informação confirmada pelo próprio autor em entrevista para a Veja São Paulo.

O autor voltou dar mais pistas sobre Nazaré, e ela será um trans. Ele, conhecido por seu humor ácido, em sua rede social foi mais longe e alfinetou “A força do querer”, atual trabalho de Glória Perez que é dirigido por Rogério Gomes, o mesmo diretor da próxima trama do autor.

Outras fontes afirmam que Nazaré fará vilanias em parceria com as personagem de Lília Cabral e Elizabeth Savalla. Lília viverá uma vilã que está em busca de vingança, mãe do mocinho, voltará a cidade disposta a se vingar daqueles que a humilharam. Já Elizabeth Savalla viverá uma mulher da alta sociedade, beata, que defende o nome de sua família até as últimas consequências. O que provavelmente deve mudar, já que fontes afirmam que o próprio autor está mudando a sinopse para não ter problemas judiciais com um dos ex-alunos.

Marina Ruy Barbosa deve protagonizar ao lado de Caio Castro. Gabriel Leone parece que ficou com o papel de vilão, primo do mocinho, que antes estava reservado para Chay Suede.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here